Livro: Divergente - Verônica Roth

sexta-feira, 23 de junho de 2017 Postado por: Maria Carolina Costa COMENTE!

Sinopse

Beatrice, uma jovem de 16 anos vive em Chicago, mas não é a Chicago que conhecemos e vemos nos filmes, é uma Chicago cercada por muros para proteger àqueles que sobreviveram a grande guerra. Os remanescentes desta guerra instituíram um novo modo de governar em que o povo é dividido em cinco grupos, denominados facções, o objetivo: se reconstruir após a guerra e permitir a manutenção da paz.

Beatrice nasceu e foi criada no grupo que se denomina como abnegação, estes podem ser identificados como aqueles que usam somente vestes cinzas, não possuem vaidade, nem fartura de bens, procuram se distanciar ao máximo do egoísmo para ajudar ao próximo, suas necessidades sempre são colocados após as necessidades do outro e por este motivo, a liderança do governo está em suas mãos. A facção denominada como amizade é a responsável pela produção dos alimentos, são eles que trabalham com a terra para fornecer o suprimento de alimentos para o restante das facções, a amizade procura não se envolver nas questões do governo e seus membros podem ser facilmente identificados pelas roupas coloridas e o sorriso no rosto.

A audácia é a facção que abriga os mais audaciosos, corajosos e destemidos indivíduos, estes são responsáveis pela proteção da cidade e de seus membros, são facilmente identificados pelas roupas pretas, tatuagens e por estarem sempre correndo. A erudição é a facção que mais valoriza o conhecimento e a sabedoria, cientistas, médicos e professores compõem tal facção que acredita ser a mais eficiente para governar a cidade. Seus membros podem ser reconhecidos pelas vestes azuis impecáveis. E por último, a franqueza é a facção em que seus membros somente falam a verdade pois acreditam que o ato de mentir que levou o mundo à guerra. São reconhecidos pelas roupas brancas e atuam nas esferas jurídicas.

Há ainda um grande número de pessoas que não se encaixam nesse modelo de facções e por isso vivem a margem da sociedade dependendo somente da ajuda dos membros da abnegação. Beatrice sempre temeu se tornar uma sem facção e após realizar o teste de aptidão no qual todos os jovens devem realizar aos 16 anos, tal temor se tona ainda mais latente. O teste de Beatrice revela resultados inconclusivos, Beatrice se encaixa em três das cinco facções, tal fenômeno é extremamente raro e chamado de divergente, nessa realidade, ser um divergente é extremamente perigoso e pode levar a sentença de morte.

Em meio à um momento em que a política anda instável, devido à erudição querer substituir a abnegação na liderança do governo, Beatrice toma uma decisão incomum, no dia da cerimônia em que os jovens decidem para qual facção irão pertencer, Beatrice decide ir para a audácia, logo após o seu irmão, repentinamente optar pela erudição. Mudanças de facção são raras, afinal, quando um membro nasce em determinada facção e depois decide mudar ele perde todo o contato com seus familiares, pois todos acreditam que a facção da qual pertencem é mais importante do que a família. A saída de Beatrice e seu irmão da abnegação torna o ambiente ainda mais instável e a erudição passa a utilizar isso como um meio de acusar a abnegação de má conduta a fim de tomar o poder.

Comentários

Decidi eu mesma escrever a sinopse porque a sinopse do próprio livro é bem incompleta e não dá para ter uma visão legal sobre o livro e essa realidade alternativa. Confesso para vocês que gosto muito de livros assim, não é atoa que amei ler as Crônicas de Nárnia e Harry Potter, quero muito ler Jogos Vorazes que tem uma narrativa parecida, eu acredito.

Assisti ao filme e gostei bastante e de fato foi o que me levou a ler o livro agora que estou tendo um pouco mais de tempo, li a versão online e confesso que li super rápido, em três dias eu já tinha terminado e isso significa que eu gostei MUITO do livro, em geral, quando gosto eu não consigo parar de ler.

Sou adulta, mas confesso, amo esses livros teen, me delicio com os romances e paquerinhas e shippo muito o Quatro e a Tris (nome da Beatrice após migrar para a audácia). Achei o livro super completo e confesso que estou com medo de ler os próximos pois já li algumas resenhas e alguns spoilers que me desanimaram bastante. 

Além dos outros livros da série denominados Insurgente e Convergente, também foi lançado o livro que se chama Quatro, que estou louca para ler, nele os fatos são narrados pela visão do Quatro, amei o personagem, então vou amar conhecer um pouco mais da história dele e da perspectiva dele dos fatos.

Indico para todo mundo gosta de uma boa aventura e romance!

ISBN: 9788579801310 | Editora: Rocco | Páginas: 504 | Nota: 10

Agora eu também estou no Skoob, me segue lá!

Já leu esse livro? Ficou com vontade de ler? Me conta!

Fonte da imagem: Espelhando em Livros
LEIA MAIS

Vídeos sobre vida cristã!

quinta-feira, 22 de junho de 2017 Postado por: Maria Carolina Costa COMENTE!

Todo mundo é meio de fases né gente, eu também sou, e tem momentos em que estou super empolgada pra escrever e outros em que estou super empolgada para gravar, assim, nem tudo que eu publico lá no canal acaba vindo para cá.

Ultimamente estou bem tagarela e mesmo depois de publicar o vídeo tenho algo a mais para falar então escrevo aqui e já deixo o link do vídeo, mas tem alguns vídeos bem legais que publiquei no quadro "Falando sobre Ele (Cristo) ♡" que eu sequer mencionei aqui no blog, portanto, neste post, você vai encontrar os últimos vídeos sobre vida cristã que publiquei, espero que goste, mas o principal, espero que seja edificante para você!

Vale lembrar que esses vídeos são sempre baseados nas minhas experiências com Deus, ok?










LEIA MAIS

Recebendo em casa: Churrasco!

terça-feira, 20 de junho de 2017 Postado por: Maria Carolina Costa COMENTE!

Antes eu não gostava de receber as pessoas em casa porque eu não sabia me organizar e quando as pessoas chegavam eu ainda estava cozinhando, não tinha tempo para me arrumar, recebia as pessoas toda descabelada e ficava correndo de um lado para o outro para fazer alguma coisa, pegar alguma coisa, torcendo para o mousse endurecer, para a maionese gelar rápido e eu nunca aproveitava. Só corria de um lado para o outro e não conseguia sentar para conversar, para aproveitar a presença das pessoas.

Na última semana o Rodolfo convidou alguns amigos do trabalho para um churrasco aqui em casa, na hora já desanimei porque como disse no parágrafo acima, eu nunca conseguia aproveitar, eu gosto de receber as pessoas em casa, mas por não me organizar eu acabava só trabalhando e não me divertia.

Por este motivo,  nesse dia eu procurei fazer algo diferente, no dia anterior tentei deixar pronto tudo o que eu podia, fiz a salada de maionese, a sobremesa, lavei a salada, fiz a vinagrete, limpei toda a casa e no dia do churrasco ainda tive que fazer mais um monte de coisas, mas quando as pessoas chegaram estava tudo pronto, eu tive tempo para me arrumar e como não precisei fazer nada correndo, deu tudo certo (porque é só eu fazer com pressa que parece que tudo desanda rs rs).

Deu tempo até de organizar os talheres gente, vocês tem noção? rs rs
Eu gravei todo o processo de organização para vocês e espero que vocês gostem e depois de assistir me conta se vocês também já passaram pelo o que eu passei, de receber as pessoas mas não conseguir aproveitar, isso sem contar os micos né... Mas deixa isso pra lá kkkkkkkk


LEIA MAIS

Dica de série de tv: Young and Hungry

Postado por: Maria Carolina Costa COMENTE!

Se você me acompanha lá no Youtube já não é novidade que eu gosto muito de séries de TV e assisto várias ao mesmo tempo, sem contar que tenho uma série certa para cada momento. Há momentos em que só quero rir de algo para me distrair e há momentos em que quero mergulhar em uma trama mais elaborada.
Em geral, na hora do almoço gosto de assistir algo e eu sempre colocava um episódio de How I Met Your Mother (que eu já assisti e re-assisti várias vezes rs rs), mas a Netflix informou que em breve a série vai sair do catálogo e eu preciso começar a desapegar rs rs

Foi passando pelos canais de maneira despretenciosa que acabei encontrando a série Young and Hungry, no canal Sony traduzida para Jovem e Gourmet.

A série é um sitcom, para quem não sabe sitcom foi uma palavra adotada para designar as séries de tv em que personagens comuns encenam histórias de humor em ambientes comuns, como no ambiente familiar, no local de trabalho etc. Sem super-heróis ou poderes extraordinários (amo esse tipo de série também!).

Sinopse

Dois universos colidem quando Josh (Jonathan Sadowski), um jovem e rico empresário, conhece Gabi (Emily Osment), uma jovem mal-humorada que quer ser a nova chef de cozinha pessoal do rapaz. Desesperada pelo emprego, ela deve provar que é boa naquilo que faz. Para isso, prepara um jantar romântico para Josh e a namorada, mas o evento dá errado e Gabi se encontra numa situação embaraçosa. Com a ajuda da amiga Sofia (Aimee Carrero) e da secretária do moço, Gabi transforma a dificuldade em uma oportunidade de emprego e até mesmo, quem sabe, de um relacionamento. 

Minha opinião

A estrela da série é a Emily Osment, se você assim como eu assistia Hanna Montana, vai saber quem é ela, ela interpreta a Gabi,  que é o tipo de personagem que todo mundo acaba se identificando, porque ela é cheia de defeitos, meio estabanada, dá risada na hora errada, fala o que não devia e vive se deixando levar pelo coração.

Ela mora junto com sua melhor amiga Sofia, aquela que tem a cabeça no lugar e sempre dá bons conselhos, mas que também é bem engraçada. Gabi trabalha como chefe de cozinha na casa do milionário/gato/inteligente Josh que é também seu ex-namorado/crush/chefe. Seus companheiros de trabalho são a Yolanda, governanta da casa de apenas um morador e o Elliot, relações públicas do Josh e hater da Gabi.

A série toda baseia-se na Gabi e o Josh indo e vindo, quando ela gosta dele, ele está com outra e quando ele gosta dela, ela está com o outro e nesse meio tempo eles acabam ficando e fica tudo meio confuso, mas é engraçado rs rs

Atualmente estou na segunda temporada e estou assistindo no canal Sony, todos os dias às 13h eles passam dois episódios seguidos, mas a série já possui cinco temporadas.

Alguém mais assiste? Me conta!
LEIA MAIS

Nosso jantar de dia dos namorados!

quinta-feira, 15 de junho de 2017 Postado por: Maria Carolina Costa COMENTE!

Eu ia publicar em vídeo, mas no fim das contas foi tão corrido que achei melhor vir aqui contar para vocês e mostrar algumas fotos, acho que vocês perceberam que ultimamente estou escrevendo mais do que gravando né? rs rs

Bom, eu fiz um planejamento para o nosso dia dos namorados, ia fazer pão caseiro, hambúrguer caseiro e preparar alguns molhos e outros complementos para termos uma noite do hambúrguer. Mas no sábado recebemos alguns amigos do trabalho do Rodolfo e sobrou muita carne e esse tipo de carne, pra churrasco, não fica muito boa quando congela e descongela, então comemos um pouco no domingo e o que sobrou tínhamos que comer na segunda-feira para não estragar.

No fim das contas, achei até bom, porque não tive muito trabalho, acabou sendo bem mais tranquilo para mim, só me preocupei em fazer arroz, uma salada (o Rodolfo não gosta de salada de maionese, então nem compensa fazer) e uma sobremesa, e até nisso meu marido é bonzinho, a sobremesa predileta dele é a mais fácil de fazer, mousse de limão rs rs

Como o jantar seria churrasco, achei justo montar uma mesa bonita na nossa bancada e mais uma vez, usei somente o que eu já tinha em casa.
Esse jogo de pratos e as cumbuquinhas são novos, compramos os pratos pela internet, na Dafiti, queríamos uns pratos mais bonitos e que combinassem com a área de churrasqueira que tem bastante azul e vermelho. As cumbuquinhas compramos nas lojas Americanas mesmo e usei para colocar a farofa pronta e a vinagrete.

Essa jarra transparente usei para colocar o refrigerante, para não ficar aquela garrafa feia na mesa, sabe? rs rs

O jogo americano branquinho eu ganhei da minha mãe, ela trouxe da última vez que viajou para Sergipe.

Essas flores são artificiais, comprei para o dia dos namorados do ano passado!
Coloquei o topo de bolo do nosso casamento para decorar e um porta-retrato com essa foto do nosso casamento também.
 Ficou simples, mas o simples fato de ter montado a mesa desse jeito já deu um clima totalmente diferente para o jantar.
A sobremesa coloquei nessas tacinhas, esse pires embaixo é do meu jogo de xícaras de café e acho que deu um charme até rs rs...
Durante o dia o Rodolfo me ligou, disse que foi comprar meu presente e na hora de pagar percebeu que estava sem a carteira, a carteira dele estava na minha bolsa (que raiva rs rs), ele colocou no domingo quando fomos para o culto e esqueceu de tirar.

Mas mesmo assim ele achou um jeito de comprar uma caixa de chocolates para mim ❤

Se eu amei? Eu AMO CHOCOLATE!!!!!
Mas adivinha, eu também dei chocolate para ele, essa caixinha eu encomendei da minha amiga, super fofa né?

Mas agora nos entupimos de chocolate, tem um rosto nas nossas espinhas kkkkkkk

Mas pelo menos estamos felizes!
E vocês, o que fizeram no dia dos namorados?

LEIA MAIS